segunda-feira, 21 de julho de 2014

O DIÁRIO DE BRIDGET JONES - Helen Fielding

Postado por Daniela às 18:16 0 comentários Links para esta postagem
Livro que inspirou o filme estrelado por Renée Zellweger. O romance relata um ano na vida de Bridget Jones, uma mulher solteira, de trinta e poucos anos, que luta com todas as forças para emagrecer, encontrar um namorado, parar de beber e largar o cigarro. Uma história aparentemente comum, mas narrada em estilo impecável e extrema sensibilidade. Numa demonstração de acuidade, a autora tira do cotidiano de uma balzaquiana a matéria-prima para um livro memorável.

Já assisti ao filme desse livro umas 678 vezes, por isso tinha receio de lê-lo (apesar da vontade), não sabia muito bem o que esperar, apesar de conhecer um pouco a personagem e a história, mas como todos sabemos, os livros são sempre mais profundos. 
Bridget é uma inglesa que, como toda mulher tem a auto estima muito baixa, quer perder peso, se sente mal o tempo todo com relação a ela mesma, está solteira apesar dos quase 30 anos de idade e sofre a pressão social que isso envolve. Então, sua resolução de ano novo é escrever um diário. E assim o livro se inicia, com os dias de Bridget, desde 1 de janeiro, contabilizando os cigarros, bebidas, peso e calorias, a narrativa é leve e divertida, ao mesmo tempo rápida, pois cada capítulo nos mostra um pouco do dia da protagonista. A jornalista apaixonada pelo sedutor Daniel Cleaver, um cafajeste que deixa Bridget sem ar, vive em altos e baixos por conta da sua paixão secreta e cria infinitas expectativas após os primeiros sinais de interesse de seu patrão. 
Ao mesmo tempo, há toda a pressão da família para que ela arrume logo um namorado e, porque não o doce/esquisito super rico advogado divorciado Mark Darcy, que ela obviamente tem vários pés atrás. 
O livro é muito bem escrito, esse clássico do gênero chick lit deve ser lido para os amantes desse estilo, a narrativa em primeira pessoa é interessante e bem elaborada e é impossível não se identificar com essa mocinha nada perfeita, engraçada e divertida.

Recomendo que a leitura seja feita antes de se assistir o filme, pois nosso olha muda totalmente, mas caso o filme já tenha sido assistido, é interessante ler o diário de Bridget e conhecer um pouco mais dessa personagem apaixonante.

Um Caso Perdido - Hopeless - Coleen Hoover

Postado por Daniela às 18:13 0 comentários Links para esta postagem
Às vezes, descobrir a verdade pode te deixar com menos esperança do que acreditar em mentiras... Em seu último ano de escola, Sky conhece Dean Holder, um rapaz com uma reputação capaz de rivalizar com a dela. Em um único encontro, ele conseguiu amedrontá-la e cativá-la. E algo nele faz com que memórias de seu passado conturbado comecem a voltar, mesmo depois de todo o trabalho que teve para enterrá-las. Mas o misterioso Holder também tem sua parcela de segredos e quando eles são revelados, a vida de Sky muda drasticamente.


A linda e dolorosa história de Holder e Sky, nesse livro do gênero new adult, o casal protagonista aprende sobre a vida, o passado, os erros e o amor. 
Sky é uma garota de quase 18 anos que não consegue se sentir atraída por nenhum dos seus “ficantes”, alheia à tecnologia e numa vida onde estudou em casa, ser adotada nunca foi um problema para ela. Mas, quando decide cursar o último ano do ensino médio na escola regular e sua melhor amiga, Six, vai para Itália fazer um intercâmbio, a cabeça e o coração de Sky ficam perdidos, mas isso não impede que ela continue firme nos seus objetivos. Apesar de todas as dificuldades da escola, ela faz um amigo e segue na sua paixão: correr. Até que um dia ela conhece Holder, um garoto que vira seu mundo e sua mente de cabeça para baixo! Sky finalmente sente o coração acelerar, as mãos suar e o estômago doer... a atração devastadora, os receios em relação à má reputação e a personalidade um tanto incoerente de Holder mexem com a cabeça da menina, mas a ambos não conseguem se desconectar e apesar dos altos e baixo, enfrentam os desafios de suas personalidades nesse relacionamento que nos deixa surpreendidos com começo ao fim. Quando tudo parece estar entrando nos eixos, segredos do passado de Sky e descobertas sobre ela mesma nas quais jamais poderia imaginar causam um turbilhão de emoções. Será que esse caso está perdido?
Eu não tinha muitas expectativas para esse livro, na verdade, provavelmente não compraria pois jamais imaginaria uma história tão rica em detalhes, desenvolvimentos, personagens cativantes, enfim, a escrita da autora é excelente, é o típico livro que não conseguimos parar de ler (o que é ótimo), que nos deixa em expectativa do começo ao fim, que nos faz rir, chorar, nos surpreende e não conseguimos acreditar na relação entre as personagens e como a narrativa mexe com a gente. A autora é rápida nos evento, com reflexões na medida certa, quando começa a cansar já fica mais interessante e surpreendente no momento seguinte. O casal é fofo, apaixonado de uma forma nada irritante, é tão natural e os dois se gostam tanto, é espontâneo e lindo. Eu vou sentir muita falta desse livro, dessa história e da Sky. O livro 2 é narrado pelo Holder e admito que estou com o pé atrás para ler (quando for lançado no Brasil), mas anseio muito por saber o que será da vida dos mocinhos. Quem procura um livro bem escrito, que nos prende do início ao fim, bem elaborado e com personagens marcantes, leia esse livro, vale muito a pena.


Eu amo Paris - I Heart - Livro 3 - Lindsey Kelk

Postado por Daniela às 18:09 0 comentários Links para esta postagem
Angela está a caminho da cidade mais romântica do mundo: Paris. Um lugar perfeito para o amor... e problemas! Depois do alvoroço em Hollywood, Angela volta à amada New York. Sua vida está perfeita novamente: tem o emprego dos sonhos na badalada revista The Look e está a um passo de ir morar com Alex, seu namorado lindo e sexy. Então, quando ele é contratado para tocar num Festival em Paris e a convida para ir junto, ela aproveita a oportunidade para escrever um guia de viagem sobre a cidade mais romântica do mundo! Munida de muito estilo e determinação, Angela explora as charmosas ruas de Paris em busca de destinos descolados para o seu artigo. Mas logo ela percebe que há algo muito errado... Parece que alguém está sabotando seu trabalho! Sem Jenny por perto para aconselhá-la, Alex ocupado com os compromissos da banda e, de quebra, a "ex" de seu namorado a atormentando, Angela sente que seu emprego está por um fio e que sua vida amorosa está desmoronando. Estando tão perto de sua casa em Londres, ela pode largar tudo em Paris e voltar para a segurança de sua família. Mas é isso mesmo o que ela quer? Perder seu emprego é uma coisa, mas e quanto a perder Alex? É hora de Angela descobrir o que realmente importa em sua vida...Confira as aventuras de Angela em Eu Amo Paris! 



Mais um livro da coleção I Heart! Nessa aventura da inglesa que conquistou a Big Apple, Angela vive sua vida perfeita em Nova York, com um emprego na badalada revista The Look, com um blog sobre suas aventuras, ao mesmo tempo que está preste a ir morar com seu namorado Alex, o Garoto do Brooklyn! Vocalista de uma banda que foi convidada para tocar num festival em Paris, oportunidade perfeita para um convite à sua namorada para embarcar nessa viagem e passar uma semana na cidade mais romântica do mundo. A partir daí surge a oportunidade para escrever um guia de Paris para a revista Belle, mas não é um guia turístico qualquer, nos lugares mais conhecidos por aí seria fácil demais. Angela embarca nessa viagem super romântica e nem imagina em quantas confusões irá enfrentar. Sua mala explode com milhares de dólares em roupas e sapatos emprestados, a ex namorada do Alex está atrapalhando sua vida numa mistura de ciúmes e descobertas, além de muita falsidade, seu namorado está trabalhando muito e o pior, tem alguém tentando sabotar o seu trabalho. Toda essa bagunça e Angela perto de Londres, fica difícil saber se vale a pena continuar insistindo na sua nova vida agora nem tão perfeita, ou voltar para casa e deixar o sonho para trás. 
Bom, dá para perceber o quanto essa história está recheada de confusões e criatividade, se desenvolve de maneira leve e fácil de ler, narrado em primeira pessoa, confesso que fico confusa se gosto ou não da protagonista, apesar de que essa é uma das minhas Chick Lits preferida, eu me identifico muito com ela quando sua vida está uma bagunça ou ela está se sentindo um lixo, mas as vezes as decisões, medos e inseguranças dela são tantas, que nós ficamos com o mesmo sentimento...dá pra entender? O Alex também me deixa em dúvida, as vezes me apaixono, às vezes tenho vontade de dar um pé nele pela Angela...rsrs resumo: essa história é envolvente e faz nos sentir andando pelas ruas de Paris junto com Angela, as personagens são marcantes, as confusões são muito engraçadas, é o tipo de livro sem obrigações e suspenses, ideal para curtir a leitura com calma, pelo menos é como eu me sinto. Vale a pena ler essa coleção, já declaro a Lindsey Kelk minha segunda autora preferida do gênero. A maneira como termina o livro, mostrando que tem história para continuar (sem final feliz, como na vida) é muito legal e dá um ânimo e ansiedade para ler o próximo livro. Vamos aguardar!

 

Dani Di Pace Copyright © 2011 Design by Ipietoon Blogger Template | web hosting